Cavalo comove multidão com despedida emocionante no funeral do dono

Vários amigos e familiares acompanharam o enterro do vaqueiro Wagner Figueiredo de Lima em Cajazeiras, no estado da Paraíba, mas foi a presença do cavalo Sereno que mais chamou a atenção. O animal foi levado para se despedir do dono, que morreu na madrugada de dia 1, e quando foi colocado ao lado do corpo deitou a cabeça sobre o caixão.

Wagner Lima tinha 34 anos e além de vaqueiro era trabalhador da câmara de Cajazeiras, no nordeste do Brasil. Morreu num acidente de moto no início do ano e o enterro foi esta terça-feira.

Sereno estava com Wagner há oito anos e a relação entre os dois era muito forte, segundo Wando, irmão do vaqueiro. Por este motivo, Wando decidiu levar o animal ao enterro.

“Este cavalo era tudo para ele. Era como se o cavalo soubesse o que estava a acontecer e se quisesse despedir”, contou Wando.

“Durante todo o trajeto até ao cemitério, o cavalo relinchava e batia com os pés no chão”.

Wando garantiu que vai ficar a tomar conta do cavalo Sereno para sempre.