in ,

Mulher apanhada a 115km/h justifica-se à polícia: “vontade de fazer cocó”

Em Oklahoma, nos EUA, uma condutora de 28 anos foi interpelada pela polícia por conduzir em excesso de velocidade. Emily Owings conduzia sem seguro de carro e não tinha a sua identificação consigo. Ainda assim o agente conseguiu descobrir que a sua carta de condução estava apreendida.

Assim que o polícia informou que teria de aguardar para analisarem o processo, a mulher desabou: “Eu tenho que fazer cócó. É o meu aniversário. É a porra do meu aniversário“, pedindo ao agente para a deixar ir embora.

O agente verificou que a mulher tinha um mandado de detenção contra ela. Nesse momento, Emily acabou por fugir do local. A mulher foi detida pouco depois e a polícia encontrou estupefacientes no veículo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


Notice: Trying to get property 'ID' of non-object in /home/ipiquet/public_html/tafixe/wp-content/themes/bimber/includes/post.php on line 1009

Notice: Trying to get property 'ID' of non-object in /home/ipiquet/public_html/tafixe/wp-content/themes/bimber/includes/plugins/media-ace.php on line 128

Jornalista dá opinião polémica em manifestação anti-restrições devido ao COVID


Notice: Trying to get property 'ID' of non-object in /home/ipiquet/public_html/tafixe/wp-content/themes/bimber/includes/post.php on line 1009

Notice: Trying to get property 'ID' of non-object in /home/ipiquet/public_html/tafixe/wp-content/themes/bimber/includes/plugins/media-ace.php on line 128

Vídeo mostra como (não) é feita a reciclagem em Montreal no Canadá