in

Maquinista trava a tempo comboio e salva cão que estava preso à linha

O vídeo foi captado pelo próprio maquinista, que o colocou no seu WhatsApp. Acabou por chegar a um influenciador digital que o tornou viral.

Era uma terça-feira de trabalho normal para este maquinista e o seu assistente que faziam as cidades de Sáenz Peña e Chorotis, na província de Chaco, Argentina. Só que, quando faziam o trajeto, o maquinista avistou qualquer coisa ao longe, no centro da linha, e acionou os travões de emergência.

Qual não é o seu espanto quando, ao se aproximar dessa “coisa”, se apercebe que era afinal um cão que estava amarrado aos carris da linha de comboio. O destino daquele cão estava mais do que traçado, se não fosse o maquinista a salvá-lo.

“A uns 300 metros consegui ver algo pequeno na linha e abrandei, buzinei mas não aconteceu nada, e aquilo pareceu-me estranho. Foi então que vi o animal amarrado aos carris. Vi que o cão estava desesperado, amarrado, a lutar para sair”, explicou o maquinista ao jornal argentino “La Voz”.

Um cão foi amarrado a uma linha de comboio mas acabou por ser salvo pelo maquinista, que travou a tempo. O caso, que aparentemente é comum, foi relatado pelo próprio maquinista que filmou o seu assistente a ir libertar o animal e partilhou o vídeo no seu estado do WhatsApp. A gravação acabou por chegar a um importante influenciador digital ligado à causa animal, que o tornou viral.

O momento em que o assistente do maquinista libertou o cão ficou registado em vídeo. Assim que o cão foi libertado fugiu de imediato.

“É normal que os cães sejam amarrados assim nos carris, a única diferença é que normalmente, não filmamos isso. Mas este caso tornou-se viral porque eu carreguei o vídeo para o meu estado do WhatsApp e foi aí que todas as reacções começaram” disse o maquinista.

Segurança Social envia 33 cheques de 125€ para a mesma morada

Jesus exalta-se com adeptos: «Se não me querem, vou-me embora»