Sabes qual o significado das cores da Bandeira Portuguesa?

Sabes qual o significado das cores da Bandeira Portuguesa?

Porque a maioria das pessoas não faz a mínima ideia das cores que representam a nossa bandeira, porque não partilhar um pouco de conhecimento e explicar os motivos.

A bandeira da República Portuguesa assumiu as cores actuais após a implementação da República em 5 de Outubro de 1910. Substituiu a bandeira azul e branca da monarquia e herdou as cores dos estandartes revolucionários do século XIX.

Divide-se verticalmente em duas cores, verde e vermelho, ficando o verde do lado da tralha ou do mastro. No centro, está o escudo das Armas Nacionais, orlado de branco, assente sobre a esfera armilar manuelina, em amarelo e avivada de negro.

O comprimento é uma vez e meia superior à altura. O verde ocupa dois quintos do tamanho da bandeira e o vermelho, ocupa os restantes três quintos. O emblema preenche metade da altura, ficando a igual distância da orla superior e inferior.

Foi criada por uma comissão nomeada pelo governo provisório da República em 1910, composta pelo pintor Columbano Bordalo Pinheiro, o escritor Abel Botelho, o jornalista João Chagas e dois combatentes do 5 de Outubro o tenente Landislau Pereira e o capitão Afonso Palla.

Preserva as cores verde e vermelho, dos movimentos revolucionários republicanos de finais do século XIX que levaram à abolição da Monarquia.

Não foi consensual a adopção das cores, mas a comissão justificou a decisão: o branco representa «uma bela cor fraternal, em que todas as outras se fundem, cor de singeleza, de harmonia e de paz»; O vermelho «… uma das cores fundamentais por ser a cor combativa, quente, viril, por excelência. É a cor da conquista e do riso».

O verde que não tinha tradição histórica em Portugal, surgiu no estandarte da revolta de 31 de Janeiro de 1891 que conduziu à deposição da monarquia em 1910, e por isso foi mantido como uma das cores da bandeira da República.

Bandeira nacional – Qual a sua simbologia

A bandeira portuguesa tem 3 símbolos importante: as cores, a esfera armilar e o escudo. A sua combinação compõe o brasão de armas.

1. Retângulo verde
O retângulo verde da nossa bandeira simboliza a forma do nosso país (de forma muito rudimentar, se olharmos para Portugal no mapa parece um retângulo).

A par disso, simboliza também os campos verdejantes da nação. A sua cor verde simboliza a esperança num amanhã melhor.

2. Cor vermelha
A maior parte da bandeira nacional é vermelha e existe um bom motivo para isso! Esta cor representa a coragem e o sangue de milhares de portugueses que caíram em combate pela nossa pátria.

3. Esfera armilar
A história portuguesa está recheada de descobertas e somos inclusivamente nomeados como “Nação valente”. Assim, a esfera armilar representa o mundo que os portugueses descobriram nos séculos XV e XVI. É também a base representativa dos povos com que nos relacionámos no passado.

4. 7 castelos
Os 7 castelos representados na bandeira nacional, são as sete cidades que Dom Afonso Henriques conquistou aos mouros.

Mais precisamente os mesmos representam: Coimbra, Óbidos, Santarém, Lisboa, Palmela, Ourique e Évora.