in ,

Segurança Social envia 33 cheques de 125€ para a mesma morada

O apartamento tem estado arrendado ao longo dos últimos anos, mas nunca teve tantos inquilinos diferentes.

O proprietário de um imóvel arrendado em Lisboa foi surpreendido quando foi recolher o correio. O inquilino entregou-lhe um molho inesperado com 33 vales postal no valor de 125 euros. No total eram 4.000 euros enviados pela Segurança Social.

A notícia, refira-se, é avançada pela SIC Notícias (vídeo)

O proprietário herdou o imóvel há pouco tempo, sabe que a mãe tinha feito há cerca de quatro anos um contrato de arrendamento a um imigrante, mas não mais que isso.

Os destinatários dos cheques podem já não estar em Portugal.

Em causa está o apoio de 125 euros e de 50 euros por descendente, criado pelo Governo com o objetivo de mitigar o impacto da inflação.

Nos casos de beneficiários de algumas prestações sociais, o apoio é pago pela Segurança Social e, no caso de titulares de rendimentos, é efetuado pela Autoridade Tributária e Aduaneira (AT).

Uma fonte do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras admite que alguém terá usado uma morada para inscrever as dezenas de imigrantes na Segurança Social, que, em principio, seria quem geria no passado esta caixa de correio.

Adepto partilhou guarda-chuva com militar da GNR e a foto tornou-se viral

Maquinista trava a tempo comboio e salva cão que estava preso à linha