in

Drone alimenta durante 136 dias um abutre bebé que perdeu a mãe

Em Israel, um jovem abutre-fouveiro perdeu a sua mãe, que voou sobre linhas de energia e acabou por falecer.

O abutre-fouveiro é uma espécie em vias de extinção, então os ecologistas israelitas, que estavam observar os abutres jovens nos seus ninhos com câmeras para protegê-los juntaram-se ao exército israelita, e começaram a enviar um drone com comida para o ninho todos os dias, por 136 dias.

Os pilotos dos drones passaram várias horas a treinar para se preparar para a missão.

A missão “Mãe Drone”, como foi chamada, resultou perfeitamente, e a 26 de julho o jovem abutre voou sozinho pela primeira vez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.