in

Intérprete de língua gestual no adeus a Mandela inventou os gestos

Vários especialistas em língua gestual garantem que o homem presente na cerimónia de homenagem a Nelson Mandela não estava a usar qualquer tipo de língua conhecida.

Basicamente, o que já foi confirmado, é que o intérprete inventou os seus próprios gestos que nada querem dizer.

Pelo que o Jornal de Notícias indica, o mesmo intérprete já tinha sido utilizado noutros congressos realizados na África do Sul, e os resultados foram os mesmos.

Assiste ao vídeo do “falso” intérprete em acção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *