Keanu Reeves doou 70% dos ganhos do filme ‘Matrix’ a investigações sobre o cancro

Keanu Reeves é considerado o ator “mais gentil” de Hollywood e agora foi revelada mais uma prova da sua personalidade.

O ator Keanu Reeves doou 70% do seu salário do primeiro filme da saga “The Matrix” para a investigação da leucemia, depois da sua irmã mais nova lutar contra a doença durante 10 anos.

O ator de 57 anos, que terá recebido um total de 45 milhões de dólares (39,85 milhões de euros) pelo filme realizado em 1999, sentiu-se inspirado a financiar a pesquisa do cancro do sangue depois de a irmã Kim, agora com 55 anos, ter sido diagnosticada em 1991.

Keanu Reeves foi o principal responsável pela irmã enquanto esta enfrentou a doença durante dez anos até entrar em remissão.

+ VÊ TAMBÉM: Cristiano Ronaldo manda parar autocarro para abraçar criança com leucemia

Após o primeiro “Matrix”, o ator negociou um acordo de bónus para as sequelas que destinou às equipas de efeitos especiais e guarda-roupa, que sentia terem sido decisivos para o sucesso da saga.

Quando se fizeram as contas aos 1,2 mil milhões de dólares que arrecadaram o segundo e terceiro filmes, pensa-se que Keanu Reeves terá abdicado de cerca de 75 milhões de dólares, com cada pessoa das equipas a receber um milhão. Além disso, surpreendeu os 12 duplos de uma das cenas de luta com motorizadas Harley Davidson.

Já em outubro do ano passado, o ator presenteou a sua equipa de duplos de “John Wick: Chapter 4”, formada por Bruce Concepcion, Jeremy Marinas, Dave Camarillo e Li Qiang, com relógios Rolex 2020 Submariner durante um jantar após o fim da rodagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *