in

Vendedor de gelados de rua com 89 anos gera onda de solidariedade

Esta história está a emocionar a Internet, e a gerar uma onda de solidariedade. Aos 89 anos de idade, Fidencio Sanchez é vendedor de gelados nas ruas de Chicago, nos Estados Unidos, por necessidade.

Fidencio dedicou-se à venda de gelados há 23 anos, e já se tinha reformado.

No entanto, foi obrigado a voltar há umas semanas com o carrinhos dos gelados à rua, devido à morte da filha, o que obrigou Fidencio e a mulher a ter de criar dois netos, e a ter com isso encargos e responsabilidades acrescidas.

Um vizinho de Fidencio, Joel Cervantes Macias, não conseguiu ficar indiferente, e resolveu avançar com uma campanha de solidariedade para angariar dinheiro para que o idoso possa descansar, largando o trabalho de vez.

Vendedor de gelados de rua com 89 anos gera onda de solidariedade

Diz ter ficado de “coração partido” quando viu Fidencio a trabalhar, em vez de estar a aproveitar a merecida reforma.

O objetivo inicial era juntar três mil euros, mas depressa o valor foi ultrapassado, tendo inclusivamente chegado a mais de 250 mil.

Fidencio não pretende ficar com todo o dinheiro da campanha.

Vendedor de gelados de rua com 89 anos gera onda de solidariedade

Ele vai doar parte do montante a igrejas, no México e em Chicago, além de usar o dinheiro com os netos. E engana-se quem pensa que ele vai parar de trabalhar.

+ VÊ TAMBÉM: Cão espera pacientemente para acompanhar o dono idoso

Mesmo com a ajuda, ele quer sair, mesmo que ocasionalmente, para vender os seus gelados.