in , ,

Nem Tudo o Que Parece É!


Aqui está um bom exemplo de que nunca devemos tirar conclusões precipitadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *