in

Netflix foi multada e obrigada a retirar o Especial de Natal da Porta dos Fundos

O episódio Especial de Natal do Porta dos Fundos, disponível na Netflix, vai ser retirado do ar no Brasil, decidiu esta quarta-feira a Justiça do Rio de Janeiro. A decisão foi tomada para “acalmar os ânimos”, afirmou o desembargador Benedicto Abicair, citado pelo Folha de S. Paulo. Ao Estadão fonte da Netflix diz que ainda não foi notificada da decisão.

“Retirar o programa é o mais adequado e benéfico, não só para a comunidade cristã, mas para a sociedade brasileira, maioritariamente cristã”, explicou o desembargador. Benedicto Abicair, que viu o recente filme da Porta dos Fundos, refere ainda que “configura um ato de intolerância religiosa e um discurso de ódio, ao retratar, na véspera de Natal, Jesus Cristo como um homossexual pueril, namorado de Lúcifer, Maria como uma adúltera desbocada e José como um idiota traído por Deus”.

Na véspera de Natal, a 24 de dezembro, a sede da Porta dos Fundos, no Rio de Janeiro, foi atacada por um grupo de extrema-direita, que reivindicou o incidente. Eduardo Fauzi Richard Cerquise é um dos suspeitos e foi identificado com recurso às câmaras de vigilância do prédio em questão. Faz parte do Frente Integralista Brasileira, que diz defensor dos valores cristãos. Eduardo fazia-se acompanhar por mais quatro pessoas no ataque, mas era um dos que não usava capuz, o que permitiu ter sido identificado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Danny MacAskill vai ao ginásio num vídeo BRUTAL

Piloto de Drones DPV regista imagens do Porto simplesmente fantásticas