in

Abrindo um saco de ovos das aranhas mais MORTÍFERAS do planeta

O pesquisador Kane Christensen, do Parque dos Répteis na Austrália, foi filmado a abrir (delicadamente) um saco de ovos, criados em cativeiro, da aranha Atrax robustus, conhecida pelo nome comum de aranha-teia-de-funil.

Esta aranha é considerada a mais perigosa do mundo, pois o seu veneno pode matar uma pessoa em 15 minutos.

Nas imagens podemos ver cerca de 100 aranhas a sair do saco. O vídeo tornou-se viral após ser partilhado nas redes sociais… mas não é aconselhado a aracnofóbicos.

É a primeira vez que pesquisadores do Parque dos Répteis na Austrália criam aranhas desta espécie em cativeiro e esperam que o nascimento de mais aranhas ajudem a salvar vidas. O objectivo é retirar o veneno para enviar para uma empresa que produz o anti-veneno cedido aos hospitais australianos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Hristo Stoichkov chora em direto na TV ao comentar insultos racistas

Crianças a cantar “Sweet Child O’ Mine” será a coisa mais fixe que verás hoje